Chovem poetas no quintal

Chovem poetas no quintal,
mas não são poetas...
são pessoas sedentas da emoção,
que perderam na frente da televisão.

É a poesia que irriga este solo sagrado :
Coração !
E pelas veias do passado,
permeia lembranças que te fazem são !
Mão no arado...

Este quintal que trazes no peito da infância,
é uma fragrância que alegra a vida
e ampara a lida,
feito o trabalho das ondas na praia,
a levar as areias do dia a dia...

Chovem poetas que já não são
e os meus versos correm soltos,
um salvamar para os absortos,
trapos abstratos
e novos tratos não ortográficos,
porém resolutos.

Quisera eu, quimera querida
cantar a vida ! E esses poetas que todos são
e despertá-los na madrugada,
sem dizer nada – Grande farol,
como é calada e tão dourada:
A luz do sol....
 



José Lúcio de Souza 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
http://1.bp.blogspot.com/_TBV-SMKiE60/SxlgvdGwJfI/AAAAAAAAA8s/rqDl8zLR9OQ/s1600/memnsposi.gif2.gif3.gif

Se você aqui chegou, seja bem vindo!

Em nossa casa encontrará o pão da vida!

Viva a vida intensamente...

Com amor no coração sempre!


Unidos sempre estaremos...

Não importa a tempestade!

A salvação é a Amizade...




[memnsposi.gif]

A Felicidade está dentro de nós!

Não precisa procurar fora...

Nossas maiores belezas são interiores!


[memnsposi.gif2.gif]


O amor é poderoso...

É um sentimento divinal...

Constrói castelos indestrutíveis...

Ergue-se potente perante o mal!